Jornalista é condenado a indenizar Chico Buarque por ofensa em rede social

CALUNIA

O jornalista João Pedrosa terá que indenizar Chico Buarque, ex-mulher do cantor, Marieta Severo, e as filhas deles Sílvia, Helena e Luísa.

CHICOA decisão da juíza da 25ª Vara Cível do Rio de Janeiro, Simone Gastesi Chevrand, teve como base um comentário feito pelo comunicador: “Família de canalhas!!! Que orgulho de ser ladrão!!!”, escreveu Pedrosa na época.

As informações do Conjur mostram que a juíza decidiu que a indenização deve ser de R$ 25 mil (R$ 5 mil para cada um), além da publicação da sentença nos jornais Folha de S. Paulo e O Globo e no Instagram, a ser providenciada pelo réu. Pedrosa tem 15 dias corridos para cumprir as obrigações sob pena de multa cominatória única de R$25 mil.

“A conduta do réu, desta sorte, sem qualquer conteúdo informativo, mas com único teor de maledicência infundada, é reprovável e, de forma inconteste, acarreta abalo emocional grave a quem quer que seja”, apontou a juíza Simone.

Entenda o caso

No final de 2015, Pedrosa comentou uma foto publicada por Silvia Buarque, que aparecia ao lado do pai e da irmã. O jornalista, então, escreveu: “Família de canalhas!!! Que orgulho de ser ladrão!!!”. Por meio do Facebook, o comunicador chegou a divulgar carta em janeiro de 2016 pedindo desculpas. “Eu errei e me excedi ao insultar a sua família. Infelizmente a política brasileira nos colocou em campos opostos, assim como acontece com toda a nação”, tentou justificar.

Recife sedia seminário sobre Operação Lava-Jato

Estão abertas as inscrições para o 2º Seminário de Direito Penal e Processo Penal em Tempos de Lava-Jato, promovido pela União dos Advogados Criminalistas (Unacrim).

LAVA JATOO evento vai reunir importantes nomes do Direito, como os advogados criminalistas Kakay, Alberto Toron e Nabor Bulhões, que defendem acusados na Operação Lava Jato.

Será realizado entre os dias 2 e 4 de maio, das 18h às 22h, no RioMar Trade Center, no Pina. Participam, ainda, o jurista Geraldo Prado e os criminalistas Ademar Rigueira, Fábio Tofic, Yuri Félix, Talita Caribé e Alexandre Wunderlich. Os interessados podem se inscrever no site http://bit.ly/2nriSsd. O investimento é de R$ 60 para associados Unacrim adimplentes e estudantes de graduação e R$ 120 para o público em geral.

com informações do blog do magno martins.

Serra Negra, no município de Bezerros, vai receber exibição de curtas produzidos por pernambucanos

A Serra Negra foi o palco escolhido para a exibição de curtas metragem produzidos por pernambucanos.

cine-1 cine-2O projeto Cinema na Estrada é uma idealização do Governo de Pernambuco, FUNDARPE e chega em Bezerros com parceria da Prefeitura e departamento de Cultura. Será nesta quarta feira, às 19h na Praça Francisco Xavier, ao lado da Igreja da comunidade.

Ao todo serão apresentados cinco curtas, com destaque para a exibição do trabalho produzido pelo cineasta bezerrese, Marlon Meireles. A obra intitulada “Olhos de Botão” foi gravada na cidade e será exibida pela primeira vez em um distrito.


Atenciosamente,

Joelson Lima – 81 99217539 / 94519777
joelsonjornalismo@hotmail.com

Sergio Leão – 81 97615917
sergioleao12@gmail.com

www.foliadopapangu2016.com.br
Assessoria de Imprensa
Prefeitura de Bezerros
www.bezerros.pe.gov.br

Novos pontos turísticos do Recife e Olinda na rota da Abav-PE

Cais do Sertão, Paço do Frevo e tour panorâmico por Olinda estão entre as opções que integram os novos roteiros a serem oferecidos aos turistas

frevoPontos turísticos como o Cais do Sertão e o Paço do Frevo, no Recife, e tour panorâmico por Olinda fazem parte dos novos passeios que serão comercializados durante a temporada de cruzeiros 2016/2017 pela Associação Brasileira de Agências de Viagens (Abav-PE). Representantes da Abav-PE, do Sindicato dos Guias de Pernambuco (SingturPE), da Empetur e da Secretaria de Turismo do Recife reuniram-se para realizar um tour experimental pelos novos equipamentos com a intenção de incluí-los como opção de passeio para os turistas que chegarão à capital pelo Terminal Marítimo de Passageiros.

A ideia de organizar o tour experimental foi visitar pontos turísticos do Estado para montar pacotes que se encaixem nas necessidades dos turistas que desembarcam no Recife. “Queremos criar pacotes turísticos para que as agências e operadores associados à Abav-PE possam comercializá-los. Assim, teremos a certeza que estamos oferecendo produtos de qualidade, com guias de turismo oficiais e toda a segurança e conforto necessário para os turistas” afirmou o presidente da Abav-PE, Marcos Teixeira.

A ação integra as atividades do projeto Visit Pernambuco, mantido pela Abav e que pretende oferecer, em eventos como feiras e congressos, a venda direta de pacotes com tour pela capital. “Vamos colocar estandes em locais e eventos estratégicos para divulgar as novas opções de roteiros turísticos pela cidade”, planeja o diretor financeiro e de marketing da Abav, Núbio Gadelha.

Inicialmente, os passeios serão oferecidos aos turistas que participam da temporada de cruzeiros 2016/2017, mas a ideia da Abav-PE é oferecer os pacotes turísticos como opção para todos os turistas que vêm ao Estado.

Assembléia Geral Extraordinária da Amupe acontece no dia 31 de outubro

importante !

amupe-marca-jpeg

NOTA (13/10/2016) – A ASSEMBLEIA GERAL EXTRAORDINÁRIA DA AMUPE FOI ADIADA PARA O DIA 31 DE OUTUBRO (SEGUNDA-FEIRA), ÀS 08H00. AS PAUTAS DO ENCONTRO PERMANECEM AS MESMAS (LEIA ABAIXO), ASSIM COMO O CURSO DA EGP/AMUPE PERMANECE AGENDADO PARA O DIA 19 DE OUTUBRO (Saiba mais).
A Associação Municipalista de Pernambuco (AMUPE), convoca  os gestores para a Assembléia Geral Extraordinária, que acontecerá no dia 31 de Outubro às 08h00, na sede da instituição. Dos assuntos a serem discutidos, estão as providências de último mandato dos gestores, a parceria da Amupe com o Tribunal de Justiça de Pernambuco referente à cobrança do ISS Cartório e o orçamento do estado de Pernambuco para o ano de 2017.
A presença de todos é de fundamental importância para que a Amupe, em conjunto com os gestores e demais envolvidos na causa municipalista, possam alcançar os objetivos desejados.
Acompanhe a AMUPE nas redes sociais: Facebook | Twitter | Instagram
______________________
Informações da jornalista Eunice Couto

PROLUDUS – “20 ANOS SEMEANDO A ESPERANÇA E A JUSTIÇA”

COMUNIDADE EVANGÉLICA DE CONFISSÃO LUTERANA DE GRAVATÁ-PE, dirigida pelo pastor *DAVI HAESE – Diretor da “Pro Ludus O Caminho e responsável pela IGREJA LUTERANA LOCAL

pro ludos 92 pro ludos 91 pro ludos 9 pro ludos 8 pro ludos 4 pro ludos 5 pro ludos 6 pro ludos 7 pro ludos 3 pro ludos 2QUEM SOMOS?

A Pro Ludus O Caminho é uma Organização Não Governamental, que tem como o objetivo a promoção da

igualdade, justiça e o desenvolvimento integral das pessoas. Por sua vez, realiza os trabalhos em parceria com a Comunidade Evangélica de Confissão Luterana de Gravatá-PE, com intuito de transformar realidades ameaçadas pelas injustiças e fortalecer vínculos.

MISSÃO DA PRO LUDUS O CAMINHO: Trabalhar para o desenvolvimento social sustentável, a fim de que cada pessoa possa exercer cidadania ativa nos locais onde vive e convive, sendo capaz de transformar sua própria realidade.

MISSÃO DA COMUNIDADE LUTERANA: Ser reconhecida, respeitada e admirada como Igreja Evangélica inclusiva e
exemplar, que atua com seriedade e fidelidade ao Evangelho de Jesus Cristo, destacando-se pelo compromisso da Palavra de Deus na sociedade, pela luta em favor da vida em abundância.

NOSSOS VALORES:

Estimulamos a participação comunitária nas políticas públicas e no empoderamento dos mecanismos de
controle social.
Valorizamos a igualdade de gênero e o cuidado com o próximo.
Oportunizamos a participação de todos(as) para a transformação da sociedade.
Ponderamos a construção da cultura de paz, baseada nos princípios do cristianismo.
Valorizamos a vida em comunidade e a caminhada histórica da Igreja Evangélica Luterana no mundo.
Fortalecimento dos trabalhos na comunidade através da denúncia e o anúncio da Palavra de Deus de forma
genuína.

HISTÓRICO:

Os primeiros passos de nosso trabalho teve o seu início em 1996 no município de Gravatá-PE, localizada no Agreste Pernambucano, especificamente no loteamento Riacho do Mel, uma localidade marcada por graves problemas sociais, como: consumo e tráfico de drogas, violência sócio-familiar, exploração,  ociosidade infanto-juvenil, baixa
escolaridade, falta de lazer , prostituição e discriminada pela população gravataense.

Demandas que sensibilizaram a Srª Gerda Dolores Nied, Diaconisa da IECLB a dar início ao trabalho com o Projeto “O Caminho”, quando a mesma passou a morar na comunidade e a motivaram a pleitear, junto à
Paróquia Evangélica de Confissão Luterana no Recife, uma Ação Diaconal com crianças e suas famílias no
bairro.

O trabalho foi se estruturando no intuito de mudar o drama da realidade local. Em 2002, com o interesse de
algumas pessoas, principalmente adolescentes e jovens, iniciou-se a formação da Comunidade Luterana
Nordestina. Em janeiro de 2005, o projeto “O Caminho” transformou-se na PRO LUDUS O CAMINHO

(Associação Luterana Pro Desenvolvimento e Universalização dos Direitos Sociais), que hoje é coordenada
por mim.

Ela atua junto à Comunidade Luterana na mobilização comunitária e formulação de políticas públicas e
atendimento de crianças, adolescentes e suas famílias.

AÇÕES:

Na tentativa de diminuir situações de vulnerabilidade social, a Pro Ludus O Caminho, busca promover
ações contínuas de acesso à educação integral, através da Brinquedoteca, que tem o brinquedo e o brincar
como instrumentos didáticos e metodológicos no processo de ensino-aprendizagem; esporte (capoeira e
futebol), mobilizações comunitárias; rodas de diálogo abertas; curso de formação; oficinas temáticas e lazer.

A Comunidade Luterana de Gravatá, por sua vez desenvolve ações de Educação Cristã através do Culto
Infantil; Cultos Comunitários; Círculos Bíblicos; Ensino Confirmatório; Encontros de Famílias e de
Presbíteros, Retiros Comunitários; Visitação; Aconselhamento; Encontros do Grupo Jovem Luterano “Caminhando para o Futuro” e Eventos Comunitários.

NOSSAS PARCERIAS E ARTICULAÇÕES:

Em seu processo de consolidação, concretizam-se articulações e parcerias locais, nacionais e internacionais
que conferem ao trabalho diferentes tipos de apoio, visibilidade e reconhecimento ao público; além dos
envolvidos na condução do trabalho. Estamos envolvidos diretamente no fortalecimento das políticas
públicas do município com a participação nas Conferências municipais e nos Conselhos: da Paz, de
Assistência Social, da Criança e do Adolescente, CONIC (Conselho Nacional de Igrejas Cristãs) do Agreste
entre outros.

ALGUNS PROJETOS DESENVOLVIDOS:

(1996 a 2004) O Caminho; (2004) Hip Hop – Música e dança superando a violência; (2004) Formação de
recreadores; (2004) Desafio Diaconia – Departamento de Diaconia da IECLB; (2006) Projeto O Lúdico como
Instrumento de Inclusão I; (2007) Apoio ao Lúdico como Instrumento de Inclusão II, (2009) Compra de
brinquedos educativos e restauração do parque para crianças; (2011) Apoio ao Grupo de Teatro do
Caminho; (2011) – O Lúdico como Instrumento de Inclusão II; (2012) “Convivência comunitária: Praticando
uma cultura de paz – Parte I; (2013) – “Convivência comunitária: praticando uma cultura de paz – Parte II;
(2012-2014) – Intervir para modificar a Realidade; (2014) – Compra de Brinquedos para o parque e
formação da equipe; (2014-2015) – Compra de Brinquedos Educativos, Formação Técnica da Equipe e
Gestores e Grupo Familiar; (2015) – Reforma do Acervo da Brinquedoteca e Cozinha ; (2014-2016) Projeto:
“Criando e Fortalecendo Vínculos Comunitários”. (2016)- Avaliando a Caminhada do Caminho.

Programação:

 Dia 09.09.2016 (sexta-feira) a partir das 14h – Desfile Cívico Comunitário – Tema: Nossa Casa –
Nossa Identidade – “20 Anos Semeando a esperança e a justiça” – Concentração em frente da Igreja
Luterana e a Pro Ludus O Caminho.

 Dia 10.09.2016 (Sábado) a partir das 19h, na Pro Ludus O Caminho – Noite Cultural com diversas
apresentações.

 Dia 11.09.2016 (Domingo) às 10h – Culto de Ação de Graças – na Igreja Luterana de Gravatá-PE.

_________________________

Com informações de DAVI HAESE – Diretor da “Pro Ludus O Caminho e responsável pela IGREJA LUTERANA LOCAL

“O TREM QUE LEVOU MARIA”

Valdir DachiniUm texto de Valdir Fachini, escritor residente em Campinas, São Paulo.

     Eram quatro e meia, passava um pouquinho, o fosco clarinho rasgava o varjão, quando aquele trem saiu da estação levando uma porção de coisas minhas, minha primeira e única namorada, minha paixão, meu sonho e minha alegria de viver.
    Ela foi embora, porquê dizia estar cansada da vidinha de cidade pequena. Queria deixar de usar vestido de chita e se presentear com um Dior ou Versace, até Clodovil já estava de bom tamanho.
 Queria deixar de tomar pinga com capilé e só bebericar Don Perignon, trocar o torresmo com mandioca por escargot e caviar. Festa junina, Mário Zan, ….com a filha de João, Antônio ia se casar……nunca mais, dai pra frente era só Beatles, Rolling Stones, Elvis e Roberto, que já estava no auge.
      Aquele trem, também levou no mesmo dia, o meu amigo de infância, ainda me lembro dele, subindo no vagão com aquela velha mala amarela, que na verdade, nem era amarela, era bege, que no final das contas ele disse que vendeu ela pra comprar um pão com mortadela, Vi quando ele se sentou no mesmo banco com um velho senhor e foram conversando, com certeza falando do seu viralata, que ele chamava de Sultão,…oh cachorro chato pulguento e matador de galinhas, Tempos depois, ele fez uma música, contando a história dessa mala.
      Dois meses depois, minha princesa me escreveu contando da viagem, Disse ela , que o trajeto demorou um pouco mais que o combinado, porquê o trem fez uma longa parada na cidade de Brodowsky, onde estavam erguendo um monumento em homenagem a um pintorzinho que tinha nascido naquela cidade, minha fofura não conhecia, não devia ser ninguém famoso.
     Ela falou também do lugar que estava morando e que já tinha arranjado serviço, ela era garçonete (toda moça do interior quando vai pra cidade grande, trabalha de garçonete ) e que tinha uma novidade, ela descobriu que estava grávida, eu ia ser pai.
      Pra mim, foi a maior alegria, minha parentada não gostou nem um pouco, mas o meu amigo quitandeiro japonês, o Watanabe fez a maior festa, soltou rojão, fez uma churrascada e se embebedou a noite toda. Todo dia ele me perguntava dela, se estava bem, se ela precisava de alguma coisa, parece que ele se preocupava mais do que eu e olha que eles nem eram tão amigos assim.
     Enfim, quase nos dias do bacuri mostrar as fuças, o meu anjo voltou pra casa, ela pariu um molequinho com cara de joelho, que eu achava que parecia comigo, todo mundo dizia que não, mas o importante que era meu sangue e eu já gostava muito dele.
     Porém, minha alegria durou pouco, quando o varãozinho desmamou, meu doce de coco quis ir embora de novo, seu sonho ainda não tinha se realizado, ela ainda não tinha comprado seu Versace, só comprava em brechó, escargot? nem nunca viu, só comia acém com batatas, e foi.
    Eram quatro e meia, passava um pouquinho e de novo aquele trem saiu da estação, levando uma porção de coisas minhas, minha amada, minha paixão, que com o clima metropolitano se tornou mais linda e aquela preciosidade de zóinho esticadinho, meu amado filho Toshio.
_______________________________
texto de Valdir Fachini, escritor residente em Campinas, São Paulo.

Operação tapa buracos tem início em Gravatá

Em paralelo, também acontece o Programa de Saneamento Ambiental da bacia Hidrográfica do Ipojuca

obra 1 - Cópia obra 2 - Cópia obra 4 obra 3Teve início na última segunda-feira (8), em Gravatá, no Agreste, os trabalhos da Operação Tapa Buracos.

A ação, que contemplará um total de 229 ruas em paralelo, está orçada em R$ 650 mil. As vias contempladas foram visitadas in loco pela Prefeitura, através da equipe da Secretaria de Infraestrutura que, na ocasião, priorizou as vias de acordo com o grau de necessidade que apresentavam.

A verba para a realização da Operação Tapa Buracos é proveniente da Emenda Parlamentar nº 140 / 2016, do Deputado Estadual Waldemar Borges.

Ao mesmo tempo em que acontece a Operação Tapa Buracos, também está em andamento, os trabalhos do Programa de Saneamento Ambiental da Bacia Hidrográfica do Ipojuca (PSA Ipojuca).

O projeto prevê a implantação de 80 mil metros de rede coletora e de redes condominiais, além da conclusão da estação elevatória (unidade de bombeamento) e da construção da Estação de Tratamento de Esgoto (ETE).

Quando estiver em funcionamento, a ETE removerá de 90% a 95% da carga orgânica e eliminará, praticamente, 100% de coliformes fecais do esgoto coletado.

A Compesa contratou, em dezembro de 2015, a empresa Flamac para execução desta primeira etapa.

Um total de 229 vias, 14 delas receberão recapeamento asfáltico. O objetivo da intervenção é deixar a maior parte possível da malha viária do município em perfeito estado garantido, portanto, fluidez no trânsito, segurança e qualidade de vida aos gravataenses, tendo em vista a série de transtornos causados pelo desgaste das ruas.

Ceasa espera comercializar 12 milhões de espigas de milho até o dia de São Pedro.

Os preços inferiores aos do ano passado tem ajudado nas vendas esse ano.

milho verdeA expectativa dos comerciantes da Companhia de Abastecimento e Logística de Pernambuco – Ceasa-PE, é a de comercializar até o final do mês de junho, neste período de festejos junino, até 12 milhões de espigas de milho. Por conta da grande demanda, o local passou a funcionar 24 horas por dia, até o dia 23.
Os preços deste ano estão amais em conta do que os do ano passado. Uma mão de milho está sendo vendida em até R$ 25,00. Mas, se o freguês andar um pouquinho e pesquisar pode levar uma mão de milho para casa apagando apenas R$ 15,00.
A queda de preços na mão de milho foi motivada pela grande produção ocorrida nos municípios produtores de Pernambuco e Região.
Dessa produção em oferta, 86% são de Pernambuco. O Dia de São José funcionou este ano com boas chuvas que garantiram a colheita. No ano passado, por conta da seca, menos de 50% do milho vendido na Ceasa foi colhido em Pernambuco.

População de Gravatá está convocada para participar da instalação do Pacto dos Municípios pela Segurança Pública

Nesta segunda Feira, dia 18, no Salão do Juri do Forum de Gravatá

Os promotores de Justiça de Gravatá Rodrigo Costa Chaves e Fernanda Henriques da Nóbrega, convidam a população para participarem, nesta segunda-feira, das 14 às 17 horas no Salão do Júri do Tribunal no Fórum Desembargador Pedro Ribeiro Malta para uma Audiência Pública visando a implementação do programa institucional PACTO DOS MUNICÍPIOS, um programa inserido no planejamento estratégico do MPPE que visa reduzir o índice de criminalidade presente em Gravatá.

Diversos setores da sociedade gravataense paticipam do evento inclusive o Executivo e Legislativo municipal com seus representantes.