LADROAGEM – A entrega da propina aos políticos era feita até por motoboys

CORRUPÇÃO

Os delatores da Odebrecht contaram detalhes de um sistema de delivery para entregar propina em casa.

motoboy n2A entrega era feita por motoboys – como se fosse um pedido de pizza. Em vez de pizza, o motoboy levava um envelope. E dentro do envelope, a propina.

Delatores descreveram os locais de distribuição de suborno. O delivery da corrupção cobria entregas nos gabinetes da Esplanada dos Ministérios e até nas casas de políticos.

O senador Edison Lobão, um dos citados, disse que nega veementemente o recebimento de qualquer tipo de dinheiro e espera que a palavra do delator não tenha validade, desacompanhada de provas.

O senador Fernando Collor também negou ter recebido qualquer vantagem indevida não contabilizada na campanha eleitoral de 2010.

O ministro Vital do Rêgo disse que está à disposição das autoridades e que confia que qualquer dúvida sobre a sua conduta será devidamente esclarecida.