O encontro do Governador Eduardo Campos com os jornalistas

A festa da verdadeira imprensa com o governador aconteceu na Torre Malakoff, no Centro do Recife. E os jornalistas Cláudio Castanha e Fernanda Tavares estavam lá como convidados especiais.

De presente, um ANJO de GALDINO, artista gravataense

Eduardo e Castanhafernanda com jamildo e josué Fernanda e Roberta Jungmannfernanda com Evaldo e PatriciaComo já acontece há mais de cinco anos, o anfitrião governador Eduardo Campos ganhou um presente produzido por um artista de Gravatá.

Mais uma vez, um Anjo de Galdino, vai fazer parte do acervo de obras de arte reunido pelo governador Eduardo Campos e sua esposa Renata.

O governador ganha muitos presentes e todo esse acervo vai direto para um ambiente que ele criou, o seu Memorial, uma espécie de galeria de artes e recordações que vai sempre acompanhar sua trajetória de vida política. Nessa galeria tem expostos trabalhos de João Galdino (de Avencas),  de Cleuton Azevedo, Edmilson e de outros artistas daqui da terrinha.

 

Nas fotos:

  • Josué Nogueira (DP) Claudio Castanha e Jamildo Melo (JC)
  • Fernanda Tavares com Roberta Jungmann (Folha)
  • Fernanda Tavares com Evaldo Costa e Patrícia Raposo (Folha)

 

 

O sonho de Natal do casal Ita e Charles

sonho de Ita e Charles 95

*   Vai apertando a setinha aí do lado, dentro da foto, que as imagens vão mudando

O espírito natalino no coração do gravataense

 

Um lugar onde os sonhos de criança parecem se tornar realidade e a magia do Natal tem cor, forma e é real.

O casal gravataense Ita e Charles Alves colocou em prática o que muitas vezes só é visto em filmes e novelas, fazendo de sua residência a morada oficial do Papai Noel.

Com uma decoração que chama atenção pelo brilho, luz e bom gosto, a casa passou a ser um ponto turístico e o cenário ideal para registrar os momentos em família através das fotografias.

Tudo começou há 3 anos quando a empresária decidiu inovar e ornamentar todos os cantos da casa, “Surgiu a vontade e resolvemos colocar em prática, eu não imaginava que as pessoas iriam gostar tanto”, afirma dona Ita.

E os números da decoração são impressionantes: Mais de 200 piscas piscas, 40 redes iluminadas, dezenas de Papais Noeis, Anjos, Presépios, Guirlandas e mais de um mês para concluir a decoração, porém todo o trabalho é válido e deixa a família bastante feliz,

 

____________________________________

Texto e fotos (de Ednaldo Lourenço BONECO) enviados pela Secretaria de Imprensa de Gravatá

Talentos do INSTITUTO JARDIM DA CRIANÇA, de Gravatá

Alunos da professora Cristiana Henrique

Foto copiada do Facebook

Cria de CristianaCastanha,

é importante levar para dentro da sala de aula a cultura local, regional e outras, de forma a ampliar as visões e perspectivas pedagógicas da escola e do universo infantil dos educandos. Nosso ilustre Paulo Freire muito nos recomenda essa tomada de consciência que parte primeiramente do educador e contagia as instâncias da educação no que diz respeito à instituição, à modalidade de ensino, aos pais etc. Essa contextualização motiva os alunos ao desejo pelos estudos, vez que, sentem o conhecimento escolar como algo importante para a sua vida pessoal e social. Assim sendo, os níveis de satisfação pelos estudos crescem inexplicavelmente.

Consciente dessa necessidade, trabalho sempre com meus alunos as lindas produções da escritora brasileira Clarice Pacheco, que se reúnem em vários livros, dentre eles Um Amor de Cãozinho I: Floquinho e Um Amor de Cãozinho II: Floquinho e Pluminha. Nestes dois livros se relatam momentos felizes e engraçados de sua vida ao lado de seus dois estimados cãezinhos.

O amor por esses dois e pela criança é algo contagiante, vez que a autora, em suas obras póstumas, descreve uma história de maneira alegre, compreensível ao nível infantil e os livros apresentam em suas páginas os diversos desenhos da pequena menina.

O livro torna-se um grande incentivo às crianças para que também produzam textos ao darem conta de que também foi uma criança que escreveu o livro hoje lido por elas em sala de aula.

Instigados por esse desejo, ao término dos dois livros lidos em sala de aula no decorrer do ano letivo, os alunos do 2º ano do Instituto Jardim da Criança, com suas contagiantes imaginações, criaram os próximos capítulos do livro. Inventaram mais um capítulo que desse continuidade ao livro de Clarice Pacheco.

Vale a pena dar uma olhadinha.

As criações foram belíssimas. Das 19 criações três vêm representar os alunos do 2º ano que leram, aprenderam muito com os livros da escritora e indicam a outras crianças para que também leiam.

Agradecemos o espaço nesse Blog que nos transmite muita competência e dedicação à educação.

Abraços da Tia Cristiana e dos alunos do 2º ano 2013 do Instituto Jardim da Criança.

 

Os cãezinhos muito travessos

Cria de Cristiana 3-PedroUma certa vez, numa segunda feira, já era de noite, Clarice deixou a carne no balcão temperada e foi dormir. Floquinho Júnior subiu no balcão e comeu a carne. Amanheceu e Clarice foi no balcão e puf! Floquinho Júnior tinha comido a carne. Enquanto isso Lili acordou e disse: – Bora Floquinho Júnior! Vem brincar! E Lili e Floquinho só lá correndo, depois puf! Floquinho Júnior caiu. Foi pra veterinária que aplicou uma injeção. Chegando em casa, aconteceu um final feliz!

Pedro Henrique Emiliano da Silva Barros

 

 A traquinagem da cachorrinha

Cria de Cristiana 2-PedroLili é muito traquina. Lili rasgou as bonecas de Clarice Pacheco. Clarice diz: – Essa cachorrinha é danada demais! Lili, vou te pegar de noite. Clarice dormia e Lili corria pela sala. De repente ela machucou-se. Ela foi e arranhou bem muito a porta do quarto de Clarice Pacheco. Clarice deu um pulo da cama e foi logo abrindo a porta. – Lili, que foi? E Clarice saiu correndo para o quarto dos pais. – Que foi Clarice? – Lili se machucou. Eles foram direto para a veterinária. Ela disse:- Foi só um susto. – Obrigada, doutora. – De nada. E terminou a história feliz.

Pedro Henrique de Andrade Barros

 

Os cachorrinhos e as borboletas

Cria de Cristiana 1Um dia, Floquinho Júnior viu uma borboleta e chamou Lili e disse: – Lili, olha o que eu achei. – Mas o que é isso? Perguntou Lili. Ah, Lili, isso é uma borboleta, ela é linda não é? Lili disse: – Floquinho Júnior, é mesmo muito linda.

– Lili!Lili! Vem cá! – O que foi, Floquinho Júnior? Olha outra borboleta, agora é roxa, mas antes era rosa, não era? Perguntou Floquinho Júnior.

– Era, mas só que essa é muito mais bonita.

– Eu não gostei muito da outra, não. Disse Floquinho Júnior. – É mesmo! Disse Lili.

Camile Leal Ferreira

 

______________________

Cristiana Henrique (crispax2008@hotmail.com)

 

Eduardo Campos é o mais novo leitor de Fernanda Tavares

Um encontro oportuno durante o evento do Programa Mãe Coruja.

Fernanda e Eduardo CmposNas mãos do governador, o livro “Banda XV de Novembro, Presente em todos os momentos da história de um povo” escrito pela jornalista e blogueira gravataense.

Eduardo Campos recebeu o livro das mãos de Fernanda Tavares no encontro do Programa Mãe Coruja realizado na manhã de hoje no Hotel Casa Grande de Gravatá.

Esquema de trânsito e segurança reforçados para o Natal de Gravatá

 Mapa de circulação de área urbana orienta visitantes

00 natal 1A Prefeitura de Gravatá, através da Secretaria de Turismo e Guarda Municipal, em parceria com os órgãos competentes, Departamento de Estradas de Rodagem (DER), Detran e Polícia Militar, montaram um esquema especial de trânsito e segurança para os cinco dias de espetáculo do Natal de Gravatá, que terá início nesta sexta-feira (13), no Pátio de Eventos Chucre Mussa Zarzar.

Um mapa de circulação da área urbana, com as intervenções de trânsito e pontos de parada de ônibus e carros de passeio foi confeccionado e será disponibilizado para os visitantes.

A ação visa atender melhor os turistas de outros estados do Nordeste e da região Agreste, que estão formando os grupos para assistir o espetáculo do Studio Festi “A Festa de Reis”, promovido pelo Governo do Estado por meio da Secretaria de Turismo de Pernambuco/Empetur.

Na mudança de trânsito, os ônibus, que vierem no sentido Recife/Gravatá vão seguir até próximo o Hotel Canáriu’s fazendo o retorno; entrarão no primeiro acesso (perimetral de Gravatá) ao Pátio de eventos, onde poderão estacionar próximo ao local do espetáculo.

Já os carros de passeio terão estacionamento especial em local estratégico, em terreno amplo  atrás do Terminal Rodoviário de Gravatá, com capacidade média  para 300 carros, onde os turistas terão serviço de traslado para o Pátio de Eventos. No total serão disponibilizados oito vans e será cobrado o valor R$ 4 ida e volta por pessoa.

Para maior ordenamento do trânsito, o DER enviará um efetivo 25 educadores de Trânsito. O Detran entrará com 20 Agentes, que se juntarão aos 50 Guardas Municipais.

A segurança estará com um efetivo de aproximadamente 120 homens da Polícia Militar, 35 do Corpo de Bombeiros com viaturas de incêndio e resgate, além de equipe médica cedida pela Secretaria Municipal de Saúde.

 

Na ausência do prefeito, o vice Rafael Prequé recebeu o governador Eduardo Campos

rafael e eduardo

Gravatá sedia hoje e amanhã, no Hotel Casa Grande, o 3° Encontro do Programa Mãe Coruja Pernambucana.

O governador Eduardo Campos abriu na manhã de hoje o encontro. Mais de 600 pessoas vinculadas ao programa lotaram o salão do Centro de Convenções do Hotel Casa Grande para dar inicio ao trabalho de avaliação do Programa. A manhã será a vez da primeira dama Renata Campos dirigir os trabalhos.

O governador chegou em Gravatá meio de repente. Poucas pessoas sabiam que ele estaria em Gravatá. Veio acompanhado do vice-governador João Lira Neto e dos secretários Aloisio Lessa, Laura Gomes, Antonio , Cristina Buarque, Antonio Figueiras, José Aldo, Laura Gomes e Marcelino Granja. Para compor à Mesa convidou o vice-prefeito de Gravatá, que também recebeu os participantes do Encontro da Mãe Coruja.

Eduardo Campos emocionou a plateia com um discurso de improviso. Ele falou depois de ouvir o depoimento de uma “Mãe Coruja”, a Irailda, do município de Panelas, mãe de três filhos que relatou sua experiência de vida e de superação depois que entrou para o programa. Um relato emocionante.

Criado em 2007 com o objetivo de diminuir os índices de mortalidade materna e infantil no estado, o programa Mãe Coruja chega ao sétimo ano de trabalho colhendo resultados positivos.

Desde que foi instituído, o Programa Mãe Coruja Pernambucana já cadastrou 109.806 mulheres e 52.072 crianças, com o intuito de diminuir os índices de mortalidade materna e infantil, por meio de ações que unem as áreas de saúde, educação e desenvolvimento social. Atualmente, o Mãe Coruja está implantado em todas as 12 Gerências Regionais de Saúde (Geres), totalizando 103 municípios.

EDUARDO CAMPOS está nesta manhã em Gravatá

O governador participa, nesta quarta-feira (11), às 9h, da abertura do III Encontro Mãe Coruja, no Hotel Casa Grande

eduardo no divamO tema central do evento, que segue até esta quinta-feira (12), é “A intersetorialidade como estruturadora do cuidado”. O intuito é contribuir com a sistematização das experiências vivenciadas ao longo dos seis anos de aprendizados proporcionados pelo Programa Mãe Coruja e discutir esse modelo de gestão. A expectativa é reunir mais de 450 pessoas e apresentar mais de cem trabalhos, entre pôsteres eletrônicos, imagens e vídeos.

Desde que foi instituído, em 2007, o Programa Mãe Coruja Pernambucana já cadastrou 109.806 mulheres e 52.072 crianças, com o intuito de diminuir os índices de mortalidade materna e infantil, por meio de ações que unem as áreas de saúde, educação e desenvolvimento social. Atualmente, o Mãe Coruja está implantado em todas as 12 Gerências Regionais de Saúde (Geres), totalizando 103 municípios.

Só em 2013, foram realizadas 3.467 oficinas de segurança alimentar, emitidos 280 documentos de identificação; 2.569 mulheres participaram de cursos de qualificação profissional e outras 5.490 mulheres participaram dos 440 círculos de educação e cultura.

A agenda de Eduardo Campos nesta quarta-feira prevê ainda a confraternização do Governo do Estado com a Imprensa, às 19 horas, na Torre Malakoff, no centro da capital pernambucana.

 

A reunião da Câmara dos Vereadores que seria na terça-feira, aconteceu na segunda, foi antecipada …

E ninguém na cidade entendeu.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAO BLOG ficou sabendo que foi uma reunião rápida e esvaziada. Faltaram cinco vereadores e o público foi reduzido. Foi votado, em segunda votação, o projeto do prefeito que dá descontos nos juros de quem deseja pagar o IPTU atrasado e foi lida algumas indicações.

Os vereadores foram avisados antecipadamente sobre a antecipação da reunião. Mas a opinião pública não. Foi pega de surpresa.

Reunião agora, só na terça-feira, dia 16 de dezembro e na quinta-feira dia 19 – a última do ano que vai colocar em votação as prestações contas da Prefeitura de Gravatá, rejeitadas pelo TCE, alusivas ao ano de 2006, do então, prefeito Joaquim Neto (PSDB).

Claro, se não forem mais antecipadas ou adiadas.

Se tudo der certo, esses senhores podem chegar em Gravatá na quinta-feira à noite com a garantia de R$ 50 milhões do Governo Federal

cavaleiros

Cada um chegou em Brasília com um monte de pastas de projetos debaixo dos braços. Durante todo o dia de hoje vão peregrinar pelos corredores do poder e as chances de conseguir os recursos são muito boas, uma vez que Gravatá tem crédito e está tudo agendado.

Em conversa com o BLOG no final da noite de ontem, o prefeito e os secretários informaram que iriam dormir naquele momento muito satisfeitos com as conquistas do dia. Visitas ao ministério dos Esportes, Ministério do Turismo e Ministério da Saúde, ocorreram durante todo o dia. Nesta quarta-feira não será diferente. Tem muita “pedreira” pela frente, mas nada do que não podemos conseguir, disse um deles.

O Blog vai entrevistar cada um dos secretários e o prefeito Bruno Martiniano p0ara se inteirar melhor sobre o que eles conseguiram.